Boa noite, seja bem vindo(a) Visitante | faça o seu Login ou Cadastre-se Grátis
O Portal Consultores é focado no apoio técnico e metodológico, treinamento, interatividade, informações, ferramentas e serviços para profissionais independentes, consultores, coaches e palestrantes, constituindo desde 1990, a maior comunidade mundial destes profissionais em países de idioma português, com 65.119 participantes neste momento.
Especialidade para pesquisa
no Portal
Faça parte da comunidade
Consultores
     
 
Artigo
 
Apresentações Convincentes 4 - A argumentação
07/09/2015 - por Dino Mocsányi

Esta é a parte 4/6 deste artigo.

Existem inúmeras maneiras de aperfeiçoar a percepção que a platéia tem do seu serviço. Por exemplo, às vezes é melhor apresentar um lado da questão; outras vezes, apresentar ambos os lados é mais eficaz. O primeiro caso é recomendável quando a platéia é simpática, quando não houver outro orador ou quando for necessária uma mudança ou decisão rápida.

Apresentar os dois lados da questão surte melhor efeito quando a platéia tem uma opinião contrária ao orador ou à sua mensagem, ou quando ela vai ouvir outro orador com uma visão oposta. Além do mais, ao apresentar as duas partes, você será considerado mais objetivo e demonstrará respeito pelo público, o que aumenta sua credibilidade. Outro artifício de uso freqüente que pode ser aplicado a uma apresentação é a ilusão da escassez.

As pessoas almejam o que elas não podem ter. Aplica-se esse princípio, por exemplo, com a alegação de que sua agenda está lotada ou que um produto só está disponível em pequenas quantidades ou por tempo limitado. O mesmo princípio funciona nas liquidações de um só dia, feitas pelas lojas de departamentos, nos sorteios e no oferecimento de edições limitadas de gravuras, livros e moedas.

Neste sentido, em uma apresentação passe a impressão que alguns pontos, exemplos e casos, ou algumas discussões somente serão abordados uma única vez, naquele momento. É pegar agora ou nunca mais! Muitas pessoas também decidem o que é certo e o que é errado pela mentalidade de multidão, pelo “efeito manada” - pela observação das atitudes dos outros.

Quando se pergunta a uma platéia, por exemplo, se alguém tem alguma dúvida, lembre-se de quanto tempo demora até que uma mão se levante e da rapidez com que meia dúzia de outras mãos se levanta após aquela primeira. Você pode se valer desse fato em uma apresentação recorrendo a testemunhos de terceiros ou, se possível, endossos de outras divisões da mesma empresa. De modo semelhante, as pessoas sentem-se melhor ao tomar decisões quando têm um padrão de referência para usar como comparação.

Em um enfoque de vendas que parta de cima para baixo, um item mais caro é apresentado no princípio, para que, por comparação, o mais barato pareça uma pechincha. É por isso que os contratos de manutenção e os acessórios são apresentados após o fechamento da venda principal: seus custos parecem muito pequenos em comparados ao grande custo inicial!

Em uma negociação, um lance inicial pode ser alto o suficiente para assegurar que um segundo lance, mais próximo da quantia realmente pretendida, seja vista como uma concessão e receba uma resposta favorável. Entretanto, se o primeiro lance for considerado excessivo ou absurdo, o tiro pode sair pela culatra. Leve sempre em conta o desejo da maioria das pessoas de agir com coerência. Uma vez tomada uma posição, as pessoas têm real interesse na manutenção dessa posição e procurarão razões que lhes permitam confirmar aquela opinião. Esse fenômeno é ainda mais forte quando uma opinião é expressa publicamente.

Opiniões dadas publicamente são mais resistentes à mudança do que as mantidas em caráter privado. Um apresentador pode potencializar esse fator da coerência tanto com platéias simpáticas quanto com hostis. Quando platéias simpáticas forem incentivadas a um pequeno compromisso inicial, elas sentirão alguma pressão para ir até o fim em seus atos.

Por exemplo, se você pedir às pessoas cartões de visita, para o caso de precisarem de mais informações, quando você fizer o follow-up, elas se sentirão obrigadas a ouvir, mesmo que praticamente nem se lembrem do que despertou seu interesse inicial. 

 
Para acessar o CV do autor, clicar em seu nome no início deste artigo.
Para contatá-lo, clique aqui.
 
Artigos publicados deste autor(a)
 
Trabalhando nesta “era do não emprego”
 
Como calcular seus honorários em consultoria
 
Novas Tendências do Mercado para as Consultorias em Tempos de Grandes Mudanças
 
Consultoria: O Tripé da Venda de Trabalhos
 
As diversas formas de marketing
 
Consultoria - Tabus na empresa familiar
 
Mahalo!
 
Sênior, sim senhor!
 
Os 13 pecados na prestação interna de serviços
 
Como calcular seus honorários e valor-hora ideais?
 
Administração das Transições
 
Apresentações Convincentes 3 - Mantendo a atenção da platéia
 
Quem apoia a sua tese???
 
Consultoria: alternativa de trabalho que exige marketing pessoal
 
Lidando com resistências às mudanças
 
Quebra gelos para apresentações
 
Consultoria: Alternativa de trabalho na era do não-emprego
 
Saia da zona de conforto!
 
Apresentações Convincentes 2 - O público-alvo
 
Apresentações Convincentes 1 - Introdução
 
A transição da e-cultura!
 
   
     
  Busca por especialidade  
 
 
     
 
       
  Busca por autor  
 
Para listar todos os autores, clique em "buscar" sem preencher nada.
 
   
       
 
 
Dúvidas
Caso tenha alguma dúvida ou gostaria de obter maiores informações, basta utilizar um dos canais disponíveis abaixo:

 
 
 
 
     
   
     
       
 
Marcelo Miyashita
Marketing / Publicidade
 
Tom Coelho
Gestão de Pessoas - RH
 
André Luiz de Freitas
Gestão de Pessoas - RH
 
José Antonio Purcino
Jornalismo / Comunicação
 
Gilberto Guimarães
Liderança Positiva
 
Casemiro de Oliveira Rosa
Estratégia
 
Jusivaldo Almeida dos Santos
Finanças Pessoais
 
Dino Mocsányi
Mudanças & Transições
 
Marcos Wunderlich
Coaching / Mentoring
 
Bernardo Leite Moreira
Comportamento
 
Richard Doern
Empresas Familiares
 
Daniel De Stefano Menin
Marketing / Publicidade
Mentores do Portal

O conteúdo e retaguarda técnica
são validados pelo melhores
especialistas do mercado
em cada área.
     
Entre em contato conosco:
developed by MDF Tecnologia
 
  ©1996/2017 - Mocsányi Assessoria Ltda. | Todos os direitos reservados.

Endereço

Rua Tiradentes, 167 -
Parque Vila Rica - Santana de Parnaíba / São Paulo
06503-187
Tel.: / (11) 94755-9832

Horario de Atendimento
De segunda a sexta, das 08h00 às 18h00.